sábado, 7 de fevereiro de 2009

Viação Oriental e Ocidental, origens comuns e problemas comuns

Corre um boato nas ruas da Zona Oeste e na internet de que a Bangu irá explorar três linhas que deixarão de ser da Oriental.Trata-se da 395, 394 e da 379.Estas linhas foram repassadas para a primeira por dois motivos: primeiro porque a Oriental ja vem passando por uma crise generalizada há anos.Crise essa que penaliza funcionários e passageiros, ja que seus onibus andam caindo aos pedaços e enguiçando com frequencia, por conta disso vem ocorrendo atrasos nos horários de saida das linhas e mais a empresa também naõ tem honrado seus compromissos de salario e trabalhistas com seus funcionários, o que tem sido alvo de processo.O outro motivo dessas linhas irem para Bangu é o fato desta ter se recuperado de forma supreendente. Esta ultima enquanto estava nas mãos do Jacob Barata, estava numa decadência há anos, com linhas desativadas, frota caindo aos pedaços, porém depois que foi vendida esta renasceu, reativando linhas renovando toda a frota e regulariza os horarios das linhas e os direitos dos funcionários. Esta acaba de se tornar a melhor empresa da Zona Oeste e por ese motivo recebeu estas linhas.Ela estava para assumir duas linhas da Feital, cuja a situação está três vezes pior que a Oriental, mas não se sabe por que ainda assumiu.
Quem vê a Oriental não imagina quem ela foi no passado.Ela foi uma das maiores empresas de ônibus da Zona Oeste e também uma das melhores do Rio.Ela foi fundada em 1958 em Bangu.Sua garagem era na praça Guilherme da Silveira, onde hoje é uma igreja Quandrangular.Com a expansão, esta se mudou para Santissimo, expansão essa que ocorreu durante a dácada de 60 com a compra de várias empresas da região.Até a década de 80 sua situação geral era ótima, situação essa que ia mudar na deca de 80 com a encampação promovida no governo Brizola em que esta fôra imcorporada a CTC.Com o fim deste governo a encampação foi desfeita, pórem a empresa voltou despedaça com a frota toda sucateada.Ainda sim ela deu uma recuperada mais de não durou muito.Em 1994 ela passou por uma crise e em função disso, parte das linhas foram vendidas aos empresarios Edgar e Anselmo da Amigos Unidos.Estes fundaram a Ocidental em 1995 que quando começou teve uma imensa renovação de frota com aquisição de ônibus com chassis Scania e alguns com Tv no interior.Seus ônibus eram bem conservados e muito bonitos.O serviço era ótimo.Tal situação durou até 1999 quando o Edgar saiu da sociedade e foi para Campo Grande.De la pra cá a empresa vive com ônibus caindo aos pedaços e mesmo os que ela compra novos, esta não os conserva direito.Mesmo assim esta apos 1999 experimentou uma expansão enorme em tamanho e em numero de linhas, ainda que o serviço não seja la dos melhores.Em 2002 ela recebeu duas linhas da Viação Mosa que fôra desmontada naquele ano. Com a falência da Santa Sofia em 2006, ela ficou com a maior parte das linhas, incluindo a 786, tradicional linha da Santa Sofia, para logo em seguida assumir o controle acionario da mesma. Agora está passando por uma crise interna e há boatos de que linhas dela seriam repassadas para outras empresas da região, incluindo a Bangu.
Emquanto isso, a Oriental experimentou uma recuperação e nesse periodo fez uma renoação de frota e comprou onibus Volvo com ar condicionado e onibus Mercedes com motor trazeiro.Tudo estava indo bem até que seu proprietario decidiu vender a empresa a um empresario mineiro. Apartir dai começa o suplicio da Oriental.Esta nao renovou mais a frota, não investiu mais em manutenção, e ainda por cima começou a sacanear os funcionarios nos direitos trabalhistas e nos salarios e nas condições de trabalho dos mesmos.Em função disso, muitos funcionarios da empresa tem dado justa causa nela no Ministério do trabalho mesmo não tendo sido demitidos.Umfato que tem acontecido la é que quando ocorre de uma peça externa do onibus quebrar por mau uso ou vandalismo do funcionario, em geral este tem seu salario descontado no valor da peça danificada e com este dinheiro a empresa repõe esta peça, o que é normal.Mais la o que tem acontecido é pior.Eles descontam um valor três vezes acima do valor de mercado da peça quebrada e pior ainda, eles não repõem esta peça, eles simplesmente embolsam o dinheiro descontado do funcionario a mais e não fazem o conserto.Por conta disso e de outras situações similares é que os funcionarios tem dado justa causa na empresa, pois estes tem sofrido diversas formas de assédio moral.Vale lembrar que esta empresa havia comprado a Viação Santa Izabel de Saõ gonçalo, empresa esta decadente.E sabe o que eles fizeram com ela?Terminaram de quebra-la e sua frota foi toda transferida para Oriental, sendo que estes onibus ja estão todos quebrados.Depois disso a situação da empresa só se agravou.Agora ela corre o risco de perder a maior parte das linhas, senão todas, visto que o serviço dela só se agrava cada vez mais.No final do ano passado foi feito pedido de falência da mesma que ainda está em julgamento.
O dono que tem empresas de onibus nos interior da Bahia comprou onibus novos para estas e para Oriental nada, isso porquê la eles cobram renovação de frota constante, e por isso ele fez isso.Estes mesmos onibus estiveram em estadia provisória na Oriental e de la seguiram para Bahia.Tal fato fôra relatato e testemunhado pelos funcionários da mesma.Enquanto isso, se acumula um grande numero de onibus quebrados dentro da garagem e deles os mecânicos estão tirando peças para manter os que ainda estão bons funcionando.A situação é tão grave que no dia no dia 10/2 a mesma recolheu toda sua frota para garagem em plena luz do dia para que o Detro não apreendesse os onibus,mas que ainda sim não adiantou, pois teve onibus dela apreendido em blitz surpresa.Outro dia eu andei num onibus da linha S14 num dia e chuva e por incrivel que pareça eu tomei um banho dentro dele, pois o mesmo estava cheio de goteiras e a janela perto de mim estava sem vidro.Por conta disso fiquei todo molhado.E mais, na parte de tras do onibus o piso estava com um rombo tão grande que era possível ver o asfalto.Bem, se eu fosse relatar a quantidade de irregularidades que essa empresa tem eu terminaria de escrever hoje.
No caso da Ocidental é desleixo mesmo.Como falei antes, a mesma não conserva nem os veiculos novos que dirá os velhos.Os onibus em geral andam sempre sujos e mau conservados.Uma das irregularidades muito cometida por essa empresa é colocar onibus comuns como se fossem micrôes, ou seja, eles mantem a cadeira do cobrador, porém que fica cobrando as passagens é o motorista emquanto a cadeira do cobrador fica vazia.Tal noticia assim como as irregularidades da Oriental ja foram materia do jornal Extra recentemente.
Diante disso, posso concluir o quanto a Zona Oeste é mau servida e não deveria ser, pois a demanda daquie é muito maior que de outras regiões e por isso mereciamos ter um serviço melhor.Mais triste diante disso é ver uma empresa como a Oriental que ja foi uma empresa exemplo na cidade passar por isso.Eu espero que essa fase negativa dela passe e que a mesma vá para empresarios realmente comprometidos com seus clientes e funcionários, tal qual a Bangu passou depois de anos de decadência.Torço muito que ela fique por muitos anos e que não venha desaparecer, pois além da importancia histórica para região tem tambem a situação dos funcionários que ficarão desempregados.Como eu disse, torço imensamente que ela se recupere e volte a prestar o bom serviço que ela um dia prestou para nos.Melhoras Ja!

3 comentários:

Carlos disse...

na verdade ja ouvi dizer realmente que a bangu passara a trabalhar com as linha 394/395/379, mais ate hoje nao vi nenhuma ação em relação a isto, será que e verdade?

MARCOS VINICIUS disse...

sim ja , isso ja é realidade a bangu esta operando a 394 e campo grande a 379 e 395 e a andorinha 684

Zé Luiz disse...

Quero parabenizar a Viação Bangu por respeitar os passageiros da Zona Oeste ,com ótimo serviço prestados,ônibus Novos ,Pontualidade nos Horários,espero que ás linhas 756-367-856 da Feital, seja explorada com à Viação Bangu,isso é qualidade de Empresa.
Zé Luiz.