segunda-feira, 18 de julho de 2011

Empresas ligadas a entidades religiosas poderão ficar isentas de impostos. Parte II

    No que se refere ao caso do último texto escrito aqui, quero deixar claro que também sou contra, pois entendo que isso além de ser concorrência desleal, fere a economia popular, pois quem paga impostos vai se prejudicar, enquanto que quem não paga vai crescer de forma assustadora. O maior exemplo disso é a Record onde esta cresce as custas do dízimo da IURD e não por conta da venda de publicidade em sua programação como a Globo. Isso ja está produzindo efeitos devastadores no mercado de Tv aberta.
   Vale lembrar que isso favorece também a lavagem de dinheiro e muitos outros crimes graves na sociedade. E ainda cria uma sociedade de classes sob religiões, onde quem não tem religião fica na marginalidade. Portanto temos que nos voltar contra isso.
   Infelizmente as religiões, não apenas as evangélicas, mas até a maçonaria, estão sendo um celeiro seguro para estelionatários, onde estes se aproveitam da boa fé e da fraquesa física e emocional das pessoas para rouba-las, assim como facilita a prática do estelionato real, aquele com punição em lei. As religiões infelizmente também viraram celeiros de estelionatários porque alí a chance de eles serem presos por estelionato e outros crimes reduz drásticamente, pois são defendidos por estes fieis de espirito enfraquecido e porque a religião tem peso moral positivo na sociedade. Com isso, facilita a prática de crimes punidos em lei. Um exemplo disso são os caso da Renascer e da própria IURD.
   Cabe as religiões, como a evangélica, que é mais atingida por estes bandidos, fazer um imenso processo de depuração, expulsão e até denuncia criminal contra estes estelionatários. A grande questão é que os evangélicos pensam cada um por sí, muitos são influenciados por estes estelionatários, a maioria  é desunida e acha que não ha nada a fazer, pois o mundo irá acabar com volta de Cristo, na crença deles. Com isso, esta religião se afunda cada vez mais moralmente e seus seguidores acabam virando massa de manobra destes estelionatários.
   Não critico da mesma forma a Católica, pois a mesma depois de séculos cometendo crimes, procurou se redimir através do Concilio Vaticano II, ocorrido no final da década de 60 do século passado. Isso acabou levantando a reputação da Igreja Católica.
   Esse é o quadro das religiões no mundo, onde a dominação e a exploração prevalece. Cabe a quem tem boa fé lutar contra tudo isso para preservar a ideologia inicial de suas religiões. E só!

Um comentário:

TVs do RJ disse...

Foi anunciado as novas colunas do TVs do RJ!!!

Opinião TVs do RJ com Danilo Aguiar (Quinta-Feira)
Direto do Sumaré com Leonardo Ivo (Sábado)
Rádios do RJ com Marcelo Delfino (Domingo)

Espero sua confirmação!